SSEX BBOX

SSEX BBOX

Criado em 2011, o [SSEX BBOX] é um movimento que atua na área da justiça social e procura dar visibilidade ao debate em relação às questões de gênero e sexualidade em várias partes do mundo.

Com consultoria do [SSEX BBOX], a Casa Ponte apresenta master talk com a atriz trans da série Sense8, Jamie Clayton. O local terá quartos assinados por Daniela Mercury, Lea Cerezo e Johnny Hooker. A casa na Rua dos Franceses, em São Paulo, vai oferecer painéis e workshops e “fazer a ponte” entre comunidade LGBTQIA+ e aliados

Nascida em São Francisco, terra da liberdade, da luta pelos Direitos Humanos e da tecnologia, SKYY Vodka traz, desde sua criação em 1992, a essência dessa cidade única e pulsante. No dia 3 de outubro, a marca inaugura a Casa Ponte, projeto que nasce com o propósito de romper barreiras e conectar pessoas. O local tem o objetivo de fornecer informação e conhecimento a fim de conquistar mais aliados para a causa LGBTQIA+, que é como são chamadas as pessoas que não se identificam como  LGBTQIA+, mas que ajudam a impulsionar e defender a comunidade.

A casa terá três quartos criados pelxs anfitriões da casa, Daniela Mercury, Lea Cerezo e Johnny Hooker, instalados em um antigo casarão na Rua dos Franceses, no bairro Bela Vista, em São Paulo, e aberta ao público entre os dias 4 e 15 de outubro com uma extensa programação gratuita

O nome “Casa Ponte “ faz referência à icônica Ponte Golden Gate, monumento símbolo de uma cidade que ampliou os diálogos, os conceitos e as ideias sobre liberdade, gênero e sexualidade. Por isso, a ideia da Casa Ponte é permitir às pessoas conhecerem mais sobre o universo LGBTQIA+ e contribuir para uma sociedade mais justa e plural.

Para se aliar a inciativas que já têm profunda ligação com o tema, SKYY Vodka buscou a curadoria do social artist Rodrigo Guima e uma parceria de conteúdo e consultoria com o [SSEX BBOX], projeto de justiça social que busca oferecer perspectivas plurais sobre sexualidade e gênero a partir do relato das experiências de pensadorxs, educadorxs, ativistas, artistas e outras pessoas que vivem, aprendem e amam o ‘fora da caixa’”.

A abertura oficial da Casa Ponte será realizada no dia 3 de outubro e contará com presença da atriz trans, Jamie Clayton, que alcançou sucesso mundial por sua atuação como a hacker Nomi Marks, em Sense8, da Netflix. Jamie é uma grande voz da representatividade trans, e vai falar da importância da visibilidade para a causa LGBTQIA+.

“Queremos trazer essa força que está na origem de SKYY para aprendermos e contribuirmos com uma sociedade menos preconceituosa e resistente a mudanças. O que percebemos quando estávamos criando esse projeto é que o preconceito está diretamente ligado à falta de conhecimento, logo trazer as pessoas para aprender, conversar e interagir na Casa Ponte é uma forma de retirar de cena muitos mitos e medos que construímos como sociedade”, afirma Marina Santos, diretora de marketing do Gruppo Campari, detentora da marca em todo o mundo.

Todo esse novo posicionamento de SKKY Vodka no Brasil também nasce de dentro para fora. Para a criação deste projeto, todos os funcionários do Gruppo Campari envolvidos no projeto passaram por duas sensibilizações promovidas pelo [SSEX BBOX], a fim de apresentar idéias atuais sobre gênero e sexualidade e discorrer sobre conceitos importantes como: corpo|genital, orientação afetivo-sexual, papel, expressão e identidade de gênero.

Uma casa para receber todxs

Além dos quartos assinados pelos anfitriões, o espaço terá uma programação aberta e gratuita durante duas semanas, que inclui painéis, workshops, happy hour e pockets show com a presença de convidadxs,.

O [SSEX BBOX], um dos principais parceiros do projeto, ocupará uma das salas da casa com uma programação voltada para sensibilização de grupos. Ao todo serão seis encontros. Outro ponto alto é a mostra de filmes LGBTQIA+ do festival Mix Brasil, que ocupará a sala de TV com um extenso cardápio de audiovisual colecionado durante os 25 anos do projeto.

Entre os painelistas, já está confirmada a presença de Carol Duarte, atriz que atualmente interpreta um personagem trans  na novela global “A força do querer”. Além dela, o jornalista Iran Giusti, responsável pelo financiamento coletivo para abrir a Casa 1, um centro de acolhimento para LGBTs expulsos de suas residências, e Hugo Nasck, conhecido no Youtube por ser uma das primeiras pessoas a abrir diálogo sobre gêneros não-binários.

“Toda a programação escolhida para a casa opera sobre formas que incluem fundamentalmente o reconhecimento e o respeito com o outro, com sua identidade, com seu lugar de fala, mas principalmente pelo reconhecimento de seu lugar de escuta e aprendizado com o outro”, afirma Rodrigo Guima, social artist e curador da Casa Ponte.

A programação inclui ainda workshops com o Slam das Minas, de competições de poesia falada, de voguing com Felix Pimenta, de dança com o BDNT – grupo de dança voltado ao empoderamento de mulheres – e de interpretação para câmera e cinema com a atriz e ativista trans Julia Katherine.

“Em meio a tantos retrocessos, é fundamental empreendermos esforços conjuntos para a construção de um mundo onde todas, todxs e todos possam existir plenamente. Levar informação consistente e abrir diálogos honestos são ferramentas fundamentais para essa edificação e xs alidxs são pilares essenciais nesse processo”, diz Pri Bertucci, fundador do [SSEX BBOX].

Para participar, o público deverá retirar os ingressos gratuitamente no local com duas horas de antecedência de cada programação.

Drinques sem distinção

A programação vai incluir ainda, todos os dias, momentos de happy hour, das 19h às 22 horas. O bar de SKYY na Casa Ponte vai servir drinques especiais criados sob consultoria da jornalista e bartender Neli Pereira, do Espaço Zebra. Com os sabores mais diversos, feitos à base de limão, lichia, gengibre e outros itens. Todos os drinques criados pela bartender são totalmente transparentes e para descobrir do que são feitos é preciso conhecê-los, prová-los.

A ideia é provocar, também por meio da experiência no bar, uma reflexão sobre o tema. “A ideia é propor que nós, enquanto sociedade, devemos olhar as questões de gênero desta forma: conhecer sobre o tema antes de opinar”, destaca Marina Santos. Toda a renda do bar da casa será doada para a entidade que presta apoio à comunidade LGBTQIA+.

SKYY apoia conferência Internacional sobre o tema

Além da programação da Casa Ponte, no mês de novembro já na terceira fase do projeto, a marca dá continuidade às ações junto ao público LGBTQIA+ e será apoiadora oficial da 3ª Conferência Internacional [SSEX BBOX] e Mix Brasil, que acontece em São Paulo e oferece uma ampla programação de 15 a 26 de novembro. A conferência é o maior evento LGBTQIA+ da América Latina e leva conhecimento, informação e traz a discussão de temas essenciais sobre gênero, sexualidade e o universo LGBTQIA+. Vale citar que a entrada é gratuita e o evento será no Centro Cultural São Paulo (CCSP), que fica na Rua Vergueiro.

Segundo Marina Santos, essa presença é uma forma de dar continuidade à Casa, mantendo uma conexão real e contínua com as questões LGBTQIA+.

“Existem muitas formas de contribuir para que mais pessoas ‘façam a ponte’, conheçam e respeitem a comunidade LGBTQIA+. Nos sentimos na responsabilidade de prosseguir nesse objetivo e uma das formas de realizar isso é apoiando a conferência”, afirma Marina Santos.

 

SERVIÇO

Casa Ponte – SKYY VODKA
De 4 a 15/10 Aberta ao Público (maiores de 18 anos)
Painéis, oficinas, pocket shows, happy hours e videoteca Mix Brasil
Rua dos Franceses, 350

[+] SOBRE O GRUPPO CAMPARI

Davide; Campari-Milano S.p.A., juntamente com suas afiliadas (“Gruppo Campari”), é uma empresa importante no setor global de bebidas, comercializando suas marcas em mais de 190 países ao redor do mundo com posições de liderança na Europa e nas Américas. O Gruppo foi fundado em 1860 e hoje é a sexta maior empresa mundial na indústria de bebidas destiladas premium. O portfólio do Gruppo Campari, com mais de 50 marcas, está dividido em bebidas destiladas (seu principal negócio), vinhos e refrigerantes. As marcas de renome internacional incluem Aperol, Appleton, Campari, Cinzano, SKYY Vodka e Wild Turkey. Com sede em Sesto San Giovanni, na Itália, a Campari possui 16 fábricas e três vinícolas em todo o mundo e tem a sua própria rede de distribuição em 19 países. O Gruppo Campari tem mais de 4 mil colaboradores. As ações da matriz, Davide Campari-Milano SpA (Reuters CPRI.MI – Bloomberg CPR IM), são listadas na Bolsa de Valores italiana desde 2001.

Para mais informações: www.camparigroup.com

Aprecie nossas marcas de forma responsável. #BebaComModeracao
#AtravesseAPonte #CasaPonte #SKYYVodka